Sem psicologia

“Não desvie os olhos. Quero que você olhe para mim.

Ele olhou para Chigurh. Olhou para o novo dia empalidecendo o céu em toda parte. Chigurh atirou nele na testa e depois ficou observando. Observando os capilares se rompendo em seus olhos. A luz diminuindo. Observando sua própria imagem se desfazer naquele mundo gasto. Meteu a pistola no cinto e olhou na direção da rua outra vez. Então pegou a bolsa e passou a Uzi por cima do ombro e atravessou a rua e foi mancando na direção do estacionamento do hotel onde havia deixado seu carro.”

Cormac McCarthy, No country for old men

Autor: rbressane

Writer, journalist, editor

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s