Pode me chamar que eu vou

cartazlondrix.jpg

Sábado [23-9] estou colando no Londrix – Festival de Literatura 2006. Sempre tive vontade de conhecer nossa San Francisco, mãe de ídolos como Itamar e os irmãos Barnabé, além de amigos como Mário Bortolotto e Ademir Assunção. Chegar naquela terra roxa na abertura da primavera vai ser classe [ah, este cão vadio adora se refestelar numa terra roxa]. Um escrete incongruente de poetas, escritores e compositores vão invadir a mais cosmopolita das cidades paranaenses – sem falar os da própria casa, que não brincam em serviço. Ivana Arruda Leite, Daniel Galera, Furio Lonza, Marcelino Freire, Antonio Torres, Domingos Pellegrini Jr, Marcelo Montenegro, Ney Lisboa, o próprio Marião e este que vos digita são alguns dos que vão palestrar, debater, ler e fazer shows. Espero que o estoque de álcool da cidade dure pelo menos até domingo.

Autor: rbressane

Writer, journalist, editor

One thought

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s